Platão: a analogia da linha dividida

Um espectro para medir nossas certezas.

As três leis da lógica

As três leis da lógica ou as leis clássicas do pensamento são princípios fundamentais para as lógicas silogísticas e proposicionais. A lei da identidade:  ∼(p ∧  ∼p) A é A. A = A. Uma coisa é e ela mesma. Um enunciado não pode permanecer o mesmo caso altere seu valor de verdade. Exemplo: por definição... Continuar Lendo →

O problema dos universais

Muitas questões ainda hoje possuem esse problema em seus bastidores

A árvore de Porfírio

Diante do desconhecido todos nós empregamos nossos pressupostos, vieses e categorias pessoais para encaixar cada coisa no seu nicho. Uma das formas mais simples e clara de organizar a informação é o esquema em forma de árvore. Esse modelo tem autoria: o filósofo Porfírio de Tiro. As cinco palavras de Porfírio Quinque voces Porphyrii Porfírio... Continuar Lendo →

A emergência: a soma do todo é mais do que as partes

A emergência: a soma do todo é mais que as partes.

Aristóteles: As quatro causas

Não temos conhecimento de algo até que conhecemos suas causas.

Um site WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: