Nada de novo nos bancos escolares

A icônica iluminura de Laurentius de Voltolina (pouco se sabe dele) retrata a aula Henricus de Alemannia (sobre quem tampouco há algo a dizer) na Universidade de Bolonha. O retrato pintado em um pergaminho data de 1233 e continua a representar acuradamente a anatomia de uma sala de aula: dos 23 ouvintes, somente dez trouxeram o material. Um dedicado aluno toma notas enquanto nos cantos e no fundão ficam os distraídos. Alguns aproveitam a ocasião para um bom bate-papo, no centro e na frente sentam os certinhos. Como em qualquer aula hodierna, o sono fez sua vítima.

medievalclassroomfullszDo alto de sua “torre de marfim”, Henricus faz a lectio com base em um livro. A palestra (lectio, de onde vêm as palavras liçãolecture em inglês) era o principal meio de transmissão de conteúdo, em época quando os livros eram copiados à mão antes da invenção da imprensa e do xerox da esquina. A próxima revolução da aula expositiva seria o quadro-negro e giz. Já se usavam tabuinhas individuais, mas um dos primeiros usos atestados do quadro-negro vem de 1801 quando o matemático George Baron começou a utilizar essa tecnologia na Academia Militar dos Estados Unidos. Imagine transcrever a resolução de um problema matemático só dependente do ditado…

Outra componente didática eram a quaestio, quando o professor fazia chamada oral (e os alunos fingiam dormir ou meditar), geralmente às tardes. Na praecepta, seminários em grupos menores ou em duplas (como nos tutorials de Oxbridge), os alunos revisavam a matéria. Nos sábados era comum ocorrer a disputatio entre o aluno e o professor. Ambos discutiam pontos minuciosos de algum pensador ou paradoxo entre os antigos filósofos e teólogos. Por fim, na recitatio declamatio o estudante provava oralmente o que aprendera.

Como se vê, o formato das aulas universitárias pouco mudou em séculos. Difícil saber se isso é bom ou ruim.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

About leonardomalves