Desvendada a origem dos Bascos

Bem, ainda não sabemos de onde vieram, mas graças à genética há uma luz sobre a etnogênese do povo basco.

Os bascos — etnia no noroeste dos Pirineus — mantém sua identidade distinta de todos os povos indo-europeus da Europa, principalmente por meio de seu idioma isolado, o euskara.

O geneticista Mattias Jakobsson, da Universidade de Uppsala, Suécia, analisou os genomas de oito esqueletos encontrados em uma caverna chamada El Portalón, no País Basco espanhol, e concluiu que os bascos possuem uma origem mais recente.

O povo basco teria se formado entre 3.500 e 5.500 anos atrás com a adição de caçadores-coletores à populações agricultoras. Essa população adquiriu uma organização social própria e costumes singulares em relação a seus vizinhos — notavelmente sua língua. Com essa identidade formada, esse povo conseguiu manter sua distinção étnica, mesmo que sem constituir um estado independente, salvo o efêmero Reino de Navarra.

Desde sua origem, o povo basco manteve sua etnicidade, apesar das invasões e celtibera, romana, visigoda, moura, castelhana e francesa. O fantástico disso é que o País Basco situa-se em uma das áreas mais transitadas da Europa, no noroeste dos Pirineus.

Saiba mais:

Ancient genomes link early farmers to Basques Press release. Universidade de Uppsala.

Günther et al. (2015) Ancient genomes link early farmers from Atapuerca in Spain to modern-day Basques, PNAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

About leonardomalves